Confiabilidade do uso de medidas antropométricas auto-referidas para o diagnóstico do estado nutricional em gestantes

  • Filipe Ribeiro Araujo Santos Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Paulo da Fonseca Valença Neto Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB Núcleo de Estudos em Saúde da População
  • Marcio Costa de Souza Universidade do Estado da Bahia. Departamento de Ciências da Vida.
  • Cezar Augusto Casotti Programa de Pós-Graduação em Enfermagem e Saúde. Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
Palavras-chave: Gestantes, Índice de massa corporal, Estado nutricional

Biografia do Autor

Filipe Ribeiro Araujo Santos, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Graduando em Fisioterapia. Bolsista do Pet-Saúde. Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Paulo da Fonseca Valença Neto, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB Núcleo de Estudos em Saúde da População

Programa de Pós-Graduação em Enfermagem e Saúde

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Marcio Costa de Souza, Universidade do Estado da Bahia. Departamento de Ciências da Vida.

Professor Assistente. Universidade do Estado da Bahia. Departamento de Ciências da Vida.

Cezar Augusto Casotti, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem e Saúde. Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Professor Doutor. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem e Saúde. Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Publicado
2013-10-27
Como Citar
Santos, F. R. A., Valença Neto, P. da F., de Souza, M. C., & Casotti, C. A. (2013). Confiabilidade do uso de medidas antropométricas auto-referidas para o diagnóstico do estado nutricional em gestantes. RBONE - Revista Brasileira De Obesidade, Nutrição E Emagrecimento, 7(42). Recuperado de http://www.rbone.com.br/index.php/rbone/article/view/321
Seção
Artigos Ciení­ficos - Original