Adesão ao tratamento para prevenir agravos relacionados à hipertensão arterial e ao diabetes

Vanessa Piovani Solbiati, Nara Rejane Cruz de Oliveira, Cauê Vazquez La Scala Teixeira, Ricardo José Gomes

Resumo


Introdução e objetivo: Hipertensão arterial e diabetes mellitus como problemas de saúde pública se evidenciam pela alta prevalência, impacto socioeconômico e dificuldades na adesão ao tratamento. O objetivo desta pesquisa foi investigar a adesão ao tratamento farmacológico e não farmacológico de usuários do Sistema Único de Saúde, internados devido a complicações decorrentes do insucesso no controle destas doenças. Materiais e métodos: É um estudo descritivo, de abordagem quantitativa. Utilizou-se a entrevista estruturada como instrumento junto a 11 pessoas. Resultados: Destas, 10 faziam uso de medicamentos em domicílio, 4 relataram esquecer de toma-los. Referente ao tratamento não farmacológico, 3 seguiam dieta com restrições alimentares, 10 se consideravam ativos fisicamente e 1 praticava exercícios físicos regularmente. Discussão e conclusão: Os resultados indicam a necessidade de se olhar o usuário em sua totalidade, identificando fatores que o levam a não adesão aos tratamentos disponíveis e fomentando estratégias para melhorar sua adesão aos mesmos.

 

ABSTRACT 

Adherence to treatment to prevent health problems related to high blood pressure and diabetes

Introduction and objective: Hypertension and diabetes mellitus as public health problems are evidenced by the high prevalence, socioeconomic impact and difficulties in the treatment adherence. The objective of this research was to investigate the adherence to pharmacological and non pharmacological treatment for the users of the Unified Health System, hospitalized due complications because of the failure of the control of these diseases. Materials and methods: It is a descriptive study with a quantitative approach. We used the structured interview as instrument with 11 people. Results: Of these, 10 were using medicines at home, 4 reported to forget to take them. Concerning the non-pharmacological treatment, 3 followed diet with dietary restrictions, 10 were considered by themselves physically active and 1 practiced exercises regularly. Discussion and conclusion: The results indicate the need of looking at the pacient as an entire part, identifying factors that lead to a non-adherence to the available treatment and promoting strategies to improve the adherence to them.


Palavras-chave


Cooperação do paciente; Hipertensão; Diabetes Melitus; Terapêutica

Texto completo:

PDF

Referências


-Alves, M.H.; Pontelli, B.P.B. Doenças crônicas e a prática da atividade física no impacto das internações por causas sensíveis a atenção básica. Revista Fafibe On-Line. Vol. 8. Num. 1. 2015. p. 310-318.

-Berusa, A.A.S.; Pascalicchio, A.E.; Pessoto, U.C.; Escuder, M.M.L. Acesso a serviços de saúde na Baixada Santista de pessoas portadoras de hipertensão arterial e ou diabetes. Revista Brasileira de Epidemiologia. Vol. 13. Num. 3. 2010. p. 513-522.

-Brasil. Ministério da Saúde. Plano de Ações Estratégicas para o Enfrentamento das Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) no Brasil 2011-2022, versão preliminar. Brasília. Ministério da Saúde. 2011a.

-Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus: Morbidade auto referida segundo VIGITEL 2009 e cadastro de portadores do SIS-HIPERDIA 2010. Brasília. Ministério da Saúde. 2011b.

-Ferreira, D. Impacto da adesão terapêutica nos custos dos cuidados de saúde. Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar. Vol. 30. Num. 4. 2014. p. 268-270.

-Freitas, F.F.; Brasi, F.K.; Silva, C.L. Práticas corporais e saúde: Novos olhares. Revista Brasileira de Ciências do Esporte. Vol. 27. Num. 3. 2006. p. 169-183.

-Gomes e Martins, A.; Chavaglia, S.R.R.; Ohl, R.I.B.; Martins, I.M.L.; Gamba, M.A. Adesão ao tratamento clínico ambulatorial da hipertensão arterial sistêmica. Acta Paulista de Enfermagem. Vol. 27. Num. 3. 2014. p. 266-272.

-Malta, D.C.; Moura, E.C.; Castro, A.M.; Cruz, D.K.A.; Neto, O.L.M.; Monteiro, C.A. Padrão de atividade física em adultos brasileiros: resultados de um inquérito por entrevistas telefônicas, 2006. Epidemiologia e Serviços de Saúde. Vol. 18. Num. 1. 2009. p. 7-16.

-Medeiros, A.R.C.; Araújo, Y.B.; Vianna, R.P.T.; Moraes, R.M. Modelo de suporte à decisão aplicado à identificação de indivíduos não aderentes ao tratamento anti-hipertensivo. Saúde em Debate. Vol. 38. Num. 100. 2014. p. 104-118.

-Mendes, E.V. As redes de Atenção à Saúde [e-book]. 2.ed. Brasília. Organização Pan-Americana de Saúde. 2011.

-Mendes, L.V.; Pereira, L.; Campos, V.L.; Rodrigues, M. Uso racional de medicamentos entre indivíduos com diabetes mellitus e hipertensão arterial no município do Rio de Janeiro. Ciência & Saúde Coletiva. Vol. 19. Num. 6. 2014. p. 1673-1684.

-Nakasato, M. Sal e hipertensão. Revista Brasileira de Hipertensão. Vol. 11. Num. 2. 2004. p.95-97.

-Negrão, C.E.; Barreto, A.C.P.B. Cardiologia do exercício: do atleta ao cardiopata. 3ª edição. Manole. 2010.

-Remondi, F.A. Não adesão ao tratamento medicamentoso contínuo e fatores associados: estudo de base populacional. Dissertação de Mestrado. UEL. Londrina. 2012.

-Santos, C.M.; Barbosa, J.M.V.; Cheng, L.A.; Junior, R.S.W.; Barros, M.V.G. Atividade física no contexto dos deslocamentos: revisão sistêmica dos estudos epidemiológicos realizados no Brasil. Revista Brasileira de Atividade Física e Saúde. Vol. 14. Num. 1. 2009. p. 15-22.

-Silva, F.M.; Steemburgo, T.; Azevedo, M.J.; Mello, V.D. Papel do índice glicêmico e da carga glicêmica na prevenção e no controle metabólico de pacientes com diabetes tipo 2. Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia. Vol. 53. Num. 5. 2009. p. 560-571.

-Villas-Boas, L.C.G.; Foss, M.C.; Foss-Freitas, M.C.; Torres, H.C.l.; Monteiro, L.Z.; Pace, A.M. Adesão a dieta e ao exercício físico das pessoas com Diabetes Mellitus. Texto & Contexto Enfermagem. Vol. 20. Num. 2. 2011. p. 272-279.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBONE - Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui