Perfil de obesidade e riscos cardíacos em estudantes da rede municipal de ensino de Guaxupé-MG

Autran José Silva Jr, Claudiane Maria Bilatto, Douglas Cristian Rodrigues Cruz, Maria Irene Rezende, Maria Rosa Andrade Coelho, Marizaura Fátima Pinto, Mônica das Graças Herédia, Rafaela Pereira Cintra, Zilda Maria Vasconcelos Brasão

Resumo


Introdução: Estudos apontam para um crescente aumento na prevalência de criança com sobrepeso e obesidade em diferentes regiões brasileiras, entretanto nenhum estudo tem apresentado tais análises em nossa região. Objetivos: Identificar a prevalência de obesidade e riscos cardíacos em crianças de ambos os gêneros matriculados nas escolas municipais da cidade de Guaxupé/MG. Material e Métodos: O estudo constou de 2198 voluntários, ambos gêneros, idade entre 05 a 14 anos, matriculados nas escolas municipais de ensino fundamental I da cidade de Guaxupé/MG onde avaliou o peso corporal e altura total para a identificação do IMC. Como também a perimetria da cintura para a obtenção da relação cintura/altura total e indicadores de riscos cardíacos. Resultados: A prevalência de abaixo do peso, peso normal, sobrepeso e obesidade para o gênero feminino foi, respectivamente: 31,7%, 33,5%, 15,4% e 20,8% e para o gênero masculino foi: 35,4%, 34,9%, 16,1% e 17,6%. Não foram encontrados valores médios críticos de perimetria de cintura e RCA. Conclusão: Os resultados demonstraram que 35,3% do gênero feminino e 33,7% do masculino indicam IMC acima da normalidade, porém sem riscos cardíacos. O presente estudo indica a necessidade imediata de políticas públicas de promoção melhoria da saúde e qualidade de vida, com manutenção e redução do peso corporal.

 

ABSTRACT 

Obesity profile and cardiac risk in students of municipal schools of Guaxupé-MG

Introduction: Studies point to a growing increase in the prevalence of child overweight and obesity in different regions of Brazil, but no study has shown such analysis in our region. Objectives: To identify the prevalence of obesity and heart risks in children of both genders enrolled in municipal schools in Guaxupé / MG. Methods: The study consisted of 2,198 volunteers, both genders, aged 05-14 years, enrolled in public schools in elementary school in the city of Guaxupé / MG which evaluated body weight and total height to identify the BMI. As well as the perimeter of the waist to obtain the waist / height and overall cardiac risk indicators. Results: The prevalence of underweight, normal weight, overweight and obesity in females were, respectively: 31.7%, 33.5%, 15.4% and 20.8% and for males was: 35.4%, 34.9%, 16.1% and 17.6%. There were no critical average values of waist circumference and RCA. Conclusion: The results demonstrated that 35.3% female and 33.7% male indicate BMI above normal, but without cardiac risk. As well, the present study indicates the immediate need for public policies to improve the health and quality of life, maintaining and reducing body weight.


Palavras-chave


Obesidade; IMC; Riscos cardíacos; Criança; Adolescente

Texto completo:

PDF

Referências


-Ahima, R. S.; Flier, J. S. Adipose Tissue as an Endocrine Organ. TEM. Vol. 11. Num. 8. p.327-332. 2000.

-Alvarez, G. E.; Beske, S. D.; Ballard, T. P. Sympathetic Neural Activation in Visceral Obesity. Circulation. Vol. 106. Num. 20. p.2533-2536. 2002.

-American College of the Sports Medicine. Manual do ACSM para Avaliação da Aptidão Física Relacionada à Saúde. 1ª edição. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.

-Buffoni, C. A. R.; Bernardi, J.; Rech, R. R.; Halpen, R. Comparação de indicadores antropométricos de obesidade em escolares de 11 a 12 anos: Estudos de 2007 e 2011 na cidade de Caxias do Sul. Tempus actas de saúde colet, Brasília. Vol. 8. Num. 4. p.31-43. 2014.

-Cavalcanti, C. B. S.; Barros, M. V. G.; Meneses, A. L. Obesidade abdominal em adolescentes: prevalência e associação com atividade física e hábitos alimentares. Arq Bras Cardiol. Vol. 94. Num. 3. p. 371-377. 2010.

-Coutinho, R. B.; Speretta, G. F. F. Prevalência e fatores associados para sobrepeso e obesidade em alunos de uma escola privada de São Paulo. Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento, São Paulo. Vol. 9. Num. 49. p. 12-21. 2015. Disponível em:

-Daimon, M.; Oizumi, T.; Saitoh, T. Decreased Serum Levels of Adiponectin Are a Risk Factor for the Progression to Type 2 Diabetes in the Japanese Population. Diabetes Care. Vol. 26. Num. 7. p.2015-2020. 2003.

-Flegal, K. M.; Carrol, M. D.; Ogden, C. L.; Johnson, C. L. Prevalence and trends in obesity among US adults, 1999-2000. JAMA. Vol. 288. Num. 14. p. 1723-1727. 2002.

-Guedes, D. P.; Guedes, J. E. R. P. Prático para Avaliação em Educação Física. 1ª edição. São Paulo: Manole, 2006.

-Gus, M.; Moreira, L. B.; Pimentel, M. Associação entre Diferentes Indicadores de Obesidade e Prevalência de Hipertensão Arterial. Arq Bras Cardiol. Vol. 70. Num. 2. p. 111-114. 1998;

-Hedley. A. A.; Ogden, C. L.; Johnson, C. L.; Carrol, M. D.; Curtin, L. R.; Flegal, K. M. Prevalence of overweight and obesity among US children, adolescents, and adults, 1999-2002. JAMA. Vol. 291. Num. 23. p.287-2850. 2004.

-Hotta, K.; Funarashi, T.; Arita, Y. Plasma Concentrations of a Novel, Adipose-Specific Protein, Adiponectin, in Type 2 Diabetic Patients. Arterioscler Thromb Vasc Biol. Vol. 20. Num. 6. p.1595-1599. 2000.

-Magalhães, V. C.; Mendonça, G. A. S. Prevalência e fatores associados a sobrepeso e obesidade em adolescentes de 15 a 19 anos das regiões Nordeste e Sudeste do Brasil,1996 a 1997. Cad. Saúde Pública. Vol. 19. Num. 1. p.129-139. 2003.

-Organização Pan-Americana de Saúde; Organização Mundial de saúde. Doenças crônico-degenerativas e obesidade: Estratégia mundial sobre alimentação saudável, atividade física e saúde. Brasília. 2003.

-Pimenta, A. P. A.; Palma, A. Perfil epidemiológico da obesidade em crianças: relação entre televisão, atividade física e obesidade. Rev. Bras. Cien. e Mov. Vol. 9. Num. 4. p.19-24. 2001.

-Popkin, B. M. The shift in stages of the nutrition transition in the developing world differs from past experiences! Journal Public Health Nutrition. Vol. 5. Num. 1. p.205-214. 2002.

-Ribeiro, R. Q. C.; Lotufo, P. A.; Lamounier, J. A. Fatores adicionais de risco cardiovascular associados ao excesso de peso em crianças e adolescentes. O estudo do coração de Belo Horizonte. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Vol. 86. Num. 6. p.408-418. 2006.

-Ricardo, G. D.; Caldeira, G. V.; Corso, A. C. T. Prevalência de sobrepeso e obesidade e indicadores de adiposidade central em escolares de Santa Catarina, Brasil. Rev Bras Epidemiol. Vol. 12. Num. 3. p.424-435. 2009.

-Rosa, E. C.; Zanella, M. T.; Ribeiro, A. B. Obesidade Visceral, Hipertensão Arterial e Risco Cárdio-Renal: Uma Revisão. Arq Bras Endocrinol Metab. Vol. 49. Num. 2. p.196-204. 2005.

-Silva, P. L. N.; França, L. G. M.; Leite, J. S.; Amaral, E. O. Prevalência de sobrepeso/obesidade infantil de uma Estratégia Saúde da Família do município de Montes Claros (MG). Revista Norte Mineira de Enfermagem. Vol. 3. Num. 2. p.90-103. 2014.

-Silva, J. E. L.; Giorgetti, K. S.; Colosio, R. C. Obesidade e sedentarismo como fatores de risco para doenças cardiovasculares em crianças e adolescentes de escolas públicas de Maringá, PR. Revista Saúde e Pesquisa. Vol. 2. Num. 10. p.41-51. 2009.

-Silva, R. C. R; Malina, R. M. Nível de atividade física em adolescentes do Município de Niterói, Rio de Janeiro, Brasil. Cad. Saúde Pública. Vol. 16. Num. 4. p.1091-1097. 2000.

-Souza, V. Z.; Reneis, M. D. M.; Dalbello, M. O.; Gonçalves, L. M.; Rezende, T. M.; Silva Júnior, A. J. Correlação entre atividade física, repouso, riscos cardiovasculares e obesidade em crianças. Revista Brasileira de Ciências da Saúde. Vol. 20. Num. 2. p.107-114. 2016.

-Witztum, J. L.; Steinberg, D. Role of Oxidized Low Density Lipoprotein in Atherogenesis. J. Clin. Invest. Vol. 88. Num. 6. p.1785-1792. 1991.

-Zago, A. S.; Zanesco, A. Óxido nítrico, doenças cardiovasculares e exercício físico. Arq. Bras. Cardiol. Vol. 87. Num. 6. p.254-270. 2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBONE - Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui