Consumo de lipídeos e sua contribuição nos distúrbios metabólicos em mulheres adultas e idosas da Serra Gaúcha - sul do Brasil

Iranice Taís Teixeira, Natiani Gonçalves Oliveira, Heloísa Theodoro, Catia Santos Branco

Resumo


Introdução e objetivo: Distúrbios metabólicos (DM) exercem grande influência no desenvolvimento de doenças crônicas não-transmissíveis, as quais tem alta morbi/mortalidade na população feminina adulta. O objetivo desse estudo foi investigar o consumo alimentar, principalmente de ácidos graxos pela população feminina climatérica, participantes de uma Universidade da Terceira Idade no Município de Canela – RS, e sua possível associação com DM. Materiais e métodos: Estudo transversal, descritivo e quantitativo. Mulheres (n=45) na faixa etária de 50 à 69 anos submeteram-se à coleta de dados por meio de questionários e aferição das medidas antropométricas. Resultados: Embora quase 90% das participantes seja praticante regular de atividades físicas, a maioria encontrava-se com sobrepeso e/ou obesidade (53%), sendo que 60% estavam com CC>88 cm. A prevalência de DM foi 55% e dessas 36% relataram dislipidemias. O consumo de gordura saturada e carboidratos foi estatisticamente maior nas mulheres do grupo DM (25 e 36%, respectivamente). Conclusão: Ingesta excessiva de gorduras saturadas e carboidratos mesmo em mulheres fisicamente ativas é um fator associado à DM. Os dados apresentados podem contribuir com informações acerca da orientação adequada da dieta da população feminina adulta e idosa como fator de prevenção para doenças crônicas não-transmissíveis.

 

ABSTRACT 

Lipid consumption and its contribution in metabolic disorders in older and elderly women of Serra Gaúcha, south of Brazil

Introduction and objective: Metabolic disorders (MD) exert a great influence on the development of chronic non-communicable diseases, which have high morbidity and mortality in the adult female population. The objective of this study was to investigate the dietary intake, mainly of fatty acids by the climacteric female population, participants of a University of the Third Age in the Municipality of Canela - RS, and its possible association with MD. Materials and methods: Cross-sectional, descriptive and quantitative study. Women (n=45) in aged between 50 - 69 years were submitted to date collection through questionnaires and anthropometric measurements. Results: Although almost 90% of the participants were regular practitioners of physical activity, the majority were overweight and/or obese (53%), and 60% had CC> 88 cm. The prevalence of DM was 55% and of those 36% reported dyslipidemias. The consumption of saturated fat and carbohydrates was statistically higher in women in the DM group (25 and 36%, respectively). Conclusion: Excessive intake of saturated fats and carbohydrates even in physically active women is a factor associated with DM. The data presented may contribute information about the adequate dietary orientation of the adult and elderly female population as a preventive factor for chronic non-communicable diseases.


Palavras-chave


Envelhecimento; Mulheres; Lipídeos dietéticos; Síndrome metabólica

Texto completo:

PDF

Referências


-ABESO; Associação Brasileira Para o Estudo Da Obesidade e Da Síndrome Metabólica. Disponível em http://www.abeso.org.br/atitude-saudavel/mapa-obesidade. Acesso em 07/2018.

-Araújo, C. A. H.; Giehl, M. W. C.; Danielewicz, A. L.; Araújo, P. G.; D’Orsi, E. Ambiente Construído, Renda Contextual e Obesidade Em Idosos: Evidências de Um Estudo de Base Populacional. São Paulo. Cadernos de Saúde Pública. Vol. 34. Num. 5. 2018. e00060217.

-Araya, A. X.; Urrutia, M. T.; Dois, A.; Carrasco, P. Menopause, the Beginning of Aging for Chilean Women: A Qualitative Study.” Investigacion y Educacion en Enfermeria. Vol. 35. Num. 1. 2017. p. 95-99.

-Brasil. Pesquisa Nacional de Saúde: Indicadores de Saúde e Mercado de Trabalho Ministério Da Saúde. ed. Coordenação de Trabalho e Rendimento IBGE. Rio de Janeiro. 2016. p. 66.

-Ceolin, J.; Fontoura, L. Sensibilidade Gustativa Em Idosos: Uma Revisão Narrativa Gustative Sensitivity in Elderly: A Narrative Review. Pan American Journal of Aging Research. Vol. 5. Num. 2. 2017. p. 78-84.

-Cohen, L.S.; Soares, C. N.; Vitonis, A. F.; Otto, M. W.; Harlow, B. L. Risk for New Onset of Depression During the Menopausal Transition. Archives from General Psychiatry. Vol. 63. Num. 4. 2006. p. 385-390.

-Confortin, S. C.; Schneider, I. J. C.; Antes, D. L.; Cembranel, F. O.; L. M.; Marques, L. P.; Borges, L. J.; Krug, R. R.; D’Orsi, E. Condições de Vida e Saúde de Idosos: Resultados Do Estudo de Coorte EpiFloripa Idoso. Epidemiologia e Serviços de Saúde. Vol. 26. Num. 2. 2017. p. 305-317.

-Deon, R. G.; Rosa, R. D.; Zanardo, V. P. S.; Closs, V. E.; Schwanke, C. H. A. Consumo de Alimentos Dos Grupos Que Compõem a Pirâmide Alimentar Americana Por Idosos Brasileiros: Uma Revisão. Porto Alegre. Ciência & Saúde. Vol. 8. Num. 1. 2015. p. 26-34.

-Finicelli, M.; Squillaro, T.; Di Cristo, F.; Di Salle, A.; Melone, M. A. B.; Galderisi, U.; Peluso, G. Metabolic Syndrome, Mediterranean Diet, and Polyphenols: Evidence and Perspectives. Journal of Cellular Physiology. 2018. p. 1-20.

-Freitas, T. I.; Previdelli, A. N. Ferreira, M. P. N.; Marques, K. M.; Goulart, R. M. M.; Aquino, R. C. Factors Associated with Diet Quality of Older Adults. Revista de Nutrição. Vol. 30. Num. 3. 2017. p. 297-306.

-Gallicchio, L.; Schilling, C.; Miller, S. R.; Zacur, H.; Flaws, J. A. Correlates of Depressive Symptoms among Women Undergoing the Menopausal Transition.” Journal of Psychosomatic Research. Vol. 63. Num. 3. 2007. p. 263-268.

-Hoffmann, M.; Mendes, K. G.; Canuto, R.; Garcez, A. S.; Theodoro, H.; Rodrigues, A. D. R.; Olinto, M. T. A. Padrões Alimentares de Mulheres No Climatério Em Atendimento Ambulatorial No Sul Do Brasil. Ciência & Saúde Coletiva. Vol. 20. Num. 5. 2015. p. 1565-1574.

-Hu, G.; Eriksson, J.; Barengo, N. C.; Lakka.; T. A.; Valle, T. T.; Nissinen, A.; Jousilahti, P.; Tuomilehto, J. Activity in Relation to Total and Cardiovascular Mortality Among Finnish Subjects With Type 2 Diabetes. Circulation. Vol. 110. Num. 6. 2004. p. 666-673.

-IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Projeção da População do Brasil. Disponível em: . Acesso em 09/2018.

-Kucera, M. O. R.; Siviero, J.; Bonatto, S. Consumo de Lipídeos e Estado Nutricional de Idosos Participantes Do Projeto NUTENV Da Universidade de Caxias Do Sul. RBCEH. Vol. 9. Num. 3. 2012. p. 426-438.

-Lakhan, S. E.; Vieira, K. F. Nutritional and Herbal Supplements for Anxiety and Anxiety-Related Disorders: Systematic Review. Nutrition Journal. Vol. 9. Num. 1. 2010. p. 1-14.

-Machado, J.; Caram, C. L. B.; Frank, A. A.; Soares, E. A.; Laks, J. Estado Nutricional Na Doença de Alzheimer. Revista da Associação Médica Brasileira. Vol. 55. Num. 2. 2009. p. 188-191.

-Melo, J. B.; Campos, R. C. A.; Carvalho, P. C.; Meireles, M. F.; Andrade, M. V. G.; Rocha,T. P. O.; Farias, W. K. S.; Moraes, M. J. D.; Santos, J. C.; Neto, J. A. F. Fatores de Risco Cardiovasculares Em Mulheres Climatéricas Com Doença Arterial Coronariana. International Journal of Cardiovascular Sciences. Vol. 31. Num. 1. 2018. p. 4-11.

-Nagatsuyu, D. T.; Moriguti, E. K. U.; Pfrimer, K.; Formighieri, P. F.; Lima, N. K. C.; Ferriolli, E.; Moriguti, J. C. O Impacto Da Obesidade Abdominal Sobre Os Níveis Plasmáticos de Lípides Nos Idosos. Medicina. Vol. 42. Num. 2. 2009. p. 141-147.

-Oliveira, A.; Filho, J. M. Nutritional Status and Lipid Profile of Postmenopausal Women with Coronary Heart Disease. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Vol. 84. Num. 4. 2005. p. 325-329.

-Orsatti, F. L.; Nahas, E. A. P.; Nahas-Neto, J.; Maesta, N.; Padoani, N. P.; Orsatti, C. L. Indicadores Antropométricos e as Doenças Crônicas Não Transmissíveis Em Mulheres Na Pós-Menopausa Da Região Sudeste Do Brasil. Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia. Vol. 30. Num. 4. 2008. p. 182-189.

-PAHO. Chronic-Degenerative Illnesses and Obesity: World-Wide Strategy on Healthful Feeding, Physical Activity and Health. Pan American Health Organization. Vol. 39. Num. 1. 2003. p. 58.

-Santos, C. R. B.; Portella, E. S.; Avila, S. S.; Soares, E. A. Fatores Dietéticos Na Prevenção e Tratamento de Comorbidades Associadas à Síndrome Metabólica. Revista de Nutrição. Vol. 19. Num. 3. 2006. p. 389-401.

-Silva, L. W. S.; Santos, R. G.; Squarcini, C. F. R.; Souza, A. L.; Azevedo, M. P.; Barbosa, F. N. M. Perfil Do Estilo de Vida e Autoestima Da Pessoa Idosa - Perspectivas de Um Programa de Treinamento Físico. Revista Kairós Gerontologia. Vol. 14. Num. 3. 2011. p. 145-166.

-Silveira, E. A.; Kac, G.; Barbosa, L. S. Prevalência e Fatores Associados à Obesidade Em Idosos Residentes Em Pelotas, Rio Grande Do Sul, Brasil: Classificação Da Obesidade Segundo Dois Pontos de Corte Do Índice de Massa Corporal. Cadernos de Saúde Pública. Vol. 25. Num. 7. 2009. p. 1569-1577.

-Stedile, N.; Canuto, R. C.; Dallavechia, C.; Sene, J. S.; Stolfo, A.; Wisintainer, G. N. S.; Henriques, J. A. P.; Salvador, M. Dietary Total Antioxidant Capacity Is Associated with Plasmatic Antioxidant Capacity, Nutrient Intake and Lipid and DNA Damage in Healthy Women. International Journal of Food Sciences and Nutrition. Vol. 67. Num. 4.: 2016. p. 479-488.

-Steemburgo, T.; DallAlba, V.; Gross, J. L.; Azevedo, M. J. Fatores Dietéticos e Síndrome Metabólica. Arquivos Brasileiros de Endocrinologia e Metabologia. Vol. 51. Num. 9. 2007. p. 1425-1433.

-Veloso, H. J. F.; Silva, A. A. M. Prevalência e Fatores Associados à Obesidade Abdominal e Ao Excesso de Peso Em Adultos Maranhenses. Revista Brasileira de Epidemiologia. Vol. 13. Num. 3. 2010. p. 400-412.

-Wannamethee, S. G.; Shaper, A. G.; Alberti, G. M M. Physical Activity, Metabolic Factors, and the Incidence of Coronary Heart Disease and Type 2 Diabetes. Archives of Internal Medicine. Vol. 160. Num. 14. 2000. p. 2108-2116.

-Weinstein, A. R.; Sesso, H. D.; Lee, I-M.; Rexrode, K. M.; Cook, N. R.; Manson, J. E.; Buring, J. E.; Gaziano, M. J. The Joint Effects of Physical Activity and Body Mass Index on Coronary Heart Disease Risk in Women. Archives of Internal Medicine. Vol. 168. Num. 8. 2015. p. 884-890.

-WHO, World Health Organization. Report of a Expert Consultation about Waist Circumference and Waist-Hip Ratio. Geneva. 2008. p. 40.

-WHO, World Health Organization. Obesity: Preventing and Managing the Global Epidemic. WHO Technical Report Series. Geneva. 2000. p. 894.

-Williams, B.; Giuseppe, M.; Spiering, W.; Rosei, E. A.; Azizi, M.; Burnier, M.; Clement, D. L.; Coca, A.; Simone, G.; Dominiczak, A.; Kahan, T.; Mahfoud, F.; Redon, J.; Ruilope, L.; Zanchetti, A.; Kerins, M.; Kjeldsen, S. E.; Kreutz, R.; Laurent, S.; Lip, G. Y. H.; McManus, R.; Narkiewicz, K.; Ruschitzka, F.; Schmieder, R. E.; Shlyakhto, E.; Tsioufis, C.; Aboyans, V.; Desormais, I. ESC/ESH Guidelines for Themanagement of Arterial Hypertension. European Heart Journal. Vol. 39. 2018. p. 3021-3104.

-Xu, C.; Yang, X.; Zu, S.; Han, S.; Zhang, Z.; Zhu, G. Association between Serum Lipids, Blood Pressure, and Simple Anthropometric Measures in an Adult Chinese Population. Archives of Medical Research. Vol. 39. 2008. p. 6106-617.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBONE - Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui