O impacto da obesidade infantil no Brasil: revisão sistemática

  • Vanessa Pereira Corrêa Núcleo de Pesquisa e Extensão em Saúde (NUPES), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
  • Karina Mary Paiva Departamento de Fonoaudiologia, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
  • Eduarda Besen Núcleo de Pesquisa e Extensão em Saúde (NUPES), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
  • Deivid Souza Silveira Núcleo de Pesquisa e Extensão em Saúde (NUPES), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
  • Ana Ines Gonzales Núcleo de Pesquisa e Extensão em Saúde (NUPES), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
  • Emanuelle Moreira Núcleo de Pesquisa e Extensão em Saúde (NUPES), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
  • Alexsandra Ribeiro Ferreira Núcleo de Pesquisa e Extensão em Saúde (NUPES), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
  • Fernanda Yasmin Odila Maestri Miguel Núcleo de Pesquisa e Extensão em Saúde (NUPES), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
  • Patricia Haas Departamento de Fonoaudiologia, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis-SC, Brasil.
Palavras-chave: Obesidade, Sobrepeso, Obesidade pediátrica, Criança

Resumo

Introdução: A obesidade infantil é um distúrbio do estado nutricional relacionado ao aumento do tecido adiposo, com acréscimo do peso corporal e tornou-se uma epidemia mundial com altos índices em crianças.  Objetivos: O presente estudo tem como objetivo verificar a situação da obesidade infantil no Brasil nos últimos cinco anos.  Materiais e Métodos: A busca por artigos científicos foi realizada nas bases de dados eletrônicos Medline (Pubmed), LILACS, SciELO e BIREME desde o início de 2014 até junho de 2019. A primeira busca foi realizada na base de dados Pubmed conforme se segue: [(obesity) and (overwheight) and (child) and (epidemiology) and (Brazil)]. A busca nas bases subsequentes teve adequações quando necessário. Para complementar, foi realizada uma busca manual nas referências dos artigos incluídos. Resultados: Foram identificados 195 artigos nas buscas, sendo que apenas cinco artigos preencheram a todos os critérios de inclusão propostos. Conclusões: Os resultados demonstram que a maior incidência de excesso de peso na infância é encontrada na faixa etária de 0 a 11 anos de idade, apontando para um padrão alimentar inadequado, além de observar-se um comportamento cada vez mais sedentário das crianças. Ações visando a prevenção deste agravo e a conscientização sobre a obesidade infantil e hábitos de vida saudáveis em ambiente escolar, creches e junto à família são essenciais para reversão deste quadro.

Referências

-Alvarenga, W.A.; Silva, S.S.; Resende, M.R.; Santos, G.N. Fatores determinantes e condicionantes para o sobrepeso e a obesidade em pré-escolares: uma revisão integrativa. Revista Interdisciplinar. Vol. 6. Num. 4. 2013. p. 216-222.

-Araujo, M.F.M.; Beserra, E.P.; Chaves, E.S. O papel da amamentação ineficaz na gênese da obesidade infantil: um aspecto para a investigação de enfermagem. Acta Paulista de Enfermagem. Vol. 19. Num. 4. 2006. p. 450-455.

-Brito, M.H. Riscos da obesidade infantil: intervenção educacional da equipe multidisciplinar do projeto DANT. Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Belém: Hangar Centro de Convenções e Feiras da Amazônia. 2013.

-Cadamuro, S.D.P.; Oliveira, D.V. Obesidade infantil: uma revisão sistemática. EFDeportes.com. Revista Digital. Buenos Aires. Ano 19. Num. 201. 2015. p. 1.

-Camargo, A.C.R.; Azevedo, B.N.S.; Silva, D.; Mendonça, V.A.; Lacerda A.C.R. Prevalência de sobrepeso e de obesidade no primeiro ano de vida nas Estratégias Saúde da Família. Cadernos Saúde Coletiva. Vol. 27. Num. 1. 2019. p. 32-38.

-Cocetti, M.; Taddei, J.A.; Konstantyner, T.; Konstantyner, T.C.R.; Filho, A.A.B. Prevalence and factors associated with overweight among Brazilian children younger than 2 years. Jornal de Pediatria. Vol. 88. Num. 6. 2012. p. 503-508.

-Cremm, E.C.; Leite, F.H.M.; Abreu, D.S.C.; Oliveira, M.A.; Scagliusi, F.B.; Martins, P.A. Factors associated with overweight in children living in the neighbourhoods of an urban área of brazil. Public Health nutrition. Vol. 15. Num. 6. 2011. p. 1056-1064.

-Ferrari, G.L.M.; Matsudo, V.; Katzmarzyk P.T. Fisberg, M. Prevalence and factors associated with body mass index in children aged 9-11 years. Jornal de Pediatria. Porto Alegre. Vol. 93. Num. 6. 2017. p.601-609.

-Fonseca, J.G.; Drumond, M.G. O consumo de alimentos industrializados na infância. Revista Brasileira de Ciências da Vida. Vol. 6. Num. Especial. 2018.

-Frontzek, L.G.M.; Bernardes, L.R.; Modena, C.M. Obesidade Infantil: Compreender para Melhor Intervir. Revista da Abordagem Gestáltica. Vol. 23. Num. 2. 2017. p. 167-174.

-Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE. Pesquisa do Orçamento Familiar. 2008-2009. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/condicaodevida/pof/2008_2009_analise_consumo/pofanalise_2008_2009.pdf

-Martins, TA.; Freitas, A.S.F.; Rodrigues, M.I.S.; Filho, R.N.V.; Moreira, D.P.; Mourão, C.M.L. Fatores de riscos metabólicos em crianças na atenção primária à saúde. Revista Baiana de Enfermagem‏. Vol. 32. 2018. p.1-9.

-Matsudo, V.K.R.; Ferrari, G.L.M.; Araújo, T.L.; Oliveira, L.C.; Mire, E.; Barreira, T.V.; Tudor-Lock, C.; Katzmarzyk, P. Socioeconomic status indicators, physical activity, and overweight/obesity in Brazilian children. Revista Paulista de Pediatria. Vol. 34. Num. 2. 2016. p.162-170.

-Moher, D.; Liberati, A.; Tetzlaff, J.; Altman, D.G.; PRISMA Group. Preferred reporting items of systematic review and meta-analyses: the PRISMA statement. PLoS medicine. Vol. 7. Num. 7. 2009. p. 121-32.

-Motter, AF.; Vasconcelos, F.A.G.; Correa, E.N.; Andrade, D.F. Pontos de venda de alimentos e associação com sobrepeso/obesidade em escolares de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. Cadernos de Saúde Pública. Vol. 31. Num. 3. 2015. p. 620-632.

-Nascimento, V.G.; Silva, J.P.C.; Bertoli, C.J.; Abreu, L.C.; Valenti, V.E.; Leone, C. Prevalence of overweight preschool children in public day care centers: a cross-sectional study. São Paulo Medical Journal. Vol. 130. Num. 4. 2012. p. 225-229.

-Nobre, L.N.; Silva, K.C.; Ferreira, S.E.C.; Moreira, L.L.; Lessa, A.C.; Lamounier J.Á.; Franceschini, S.C.C. Early determinats of overweight and obesty at 5 years old in preschoolers from inner of Minas Gerais, Brazil. Nutrición Hospitalaria. Vol. 28. Num. 3. 2013. p. 764-71.

-Pelegrini, A.; Silva, D.A.; Petroski, E.L.; Gaya, A.C. Sobrepeso e obesidade em escolares brasileiros de sete a nove anos: dados do projeto esporte Brasil. Revista Paulista de Pediatria. Vol. 28. Num. 3. 2010. p. 290-295.

-Pergher, R.N.Q.; Melo, M.E.; Halpern, A.; Mancini, M.C. O diagnóstico de síndrome metabólica é aplicável às crianças?. Jornal de Pediatria. Vol. 86. Num. 2. 2010. p. 101-108.

-Radominski, R.B. Aspectos Epidemiológicos da Obesidade Infantil. Revista Associação Brasileira para o estudo da obesidade e da síndrome metabólica. Vol. 49. Num. 49. 2011. p. 337-346.

-Rosaneli, C.F.; Auler, F.; Manfrinato, C.B.; Rosaneli, C.F.; Scanzerla, C.; Bonatto, M.G.; Ceriqueira, M.L.W.; Oliveira, A.A.B.; Netto, E.R.O.; Neto, J.R.F. Evaluation of the prevalence and nutritional and social determinants of overweight in a population of schoolchildren: a cross-sectional analysis of 5,037 children. Revista Associação Médica Brasileira. Vol. 58. Num. 4. 2012. p. 472-476.

-Schuch, I.; Castro, T.G.; Vasconcelos, F.A.G.; Dutra, C.L.C.; Goldani, M.Z.; Excess weight in preschoolers: prevalence and associated factors. Jornal de Pediatria. Vol. 89. Num. 2. 2013. p. 179-188.

-Silva, D.A. Sobrepeso e obesidade em crianças de cinco a dez anos de idade beneficiarias do programa bolsa família no estado de Sergipe, Brasil. Revista Paulista de Pediatria. Vol. 29. Num. 4. 2011. p. 529-535.

-Ribeiro, S.A.V.; Andreoli, C.S.; Fonseca, P.C.A.; Hermsdorff, H.H.M.; Pereira, P.F.; Ribeiro, A.Q.; Priore, S.E.; Franceschini, S.C.C. Dietary patterns and body adiposity in children in Brazil: a cross-sectional study. Public Health. Vol. 166. 2019. p. 140-147.

Publicado
2020-10-17
Como Citar
Corrêa, V. P., Paiva, K. M., Besen, E., Silveira, D. S., Gonzales, A. I., Moreira, E., Ferreira, A. R., Miguel, F. Y. O. M., & Haas, P. (2020). O impacto da obesidade infantil no Brasil: revisão sistemática. RBONE - Revista Brasileira De Obesidade, Nutrição E Emagrecimento, 14(85), 177-183. Recuperado de http://www.rbone.com.br/index.php/rbone/article/view/1208
Seção
Artigos Científicos - Original