Consumo alimentar, perfil nutricional e avaliação do DQOL-Brasil de portadores de diabetes

Laleska Marjori Cardoso da Silva Lima Vignoli, Thais Regina Mezzomo

Resumo


Foi objetivo desse estudo avaliar o estado nutricional, o consumo alimentar e a qualidade de vida de portadores de diabetes mellitus tipo 2. Estudo de caráter transversal observacional. O estado nutricional foi determinado pelo Índice de Massa Corporal. O consumo alimentar foi estimado por meio de recordatório alimentar de 24 horas, enfatizando a ingestão de calorias (kcal), proteínas, carboidratos, lipídios e fibras. Foram avaliados a hemoglobina glicada e a qualidade de vida, por meio do questionário DQOL-Brasil. O estudo compreendeu 27 indivíduos com idade média de 43,66 ± 15,74 anos e IMC médio de 27,06 ± 4,79 kg/m2. Em relação ao consumo alimentar, os valores médios encontrados foram: 26,29 ± 4,73 kcal/kg/dia, 70,53 ± 14,55 % de CHO, 0,90 ± 0,53 g/PTN/kg/dia, 27,13 ± 8,23 % de LIP e 16,3 ± 5,83 g de fibras. A hemoglobina glícada média foi 7,48 ± 0,64%. O escore médio total do DQOL-Brasil foi de 2,39 ± 0,34. Os indivíduos apresentam sobrepeso e inadequação alimentar em relação ao consumo de carboidratos. A qualidade de vida desses indivíduos pode ser classificada como parcialmente satisfatória. O acompanhamento nutricional é de extrema necessidade, uma vez que esse acompanhamento é um dos pilares para o tratamento do diabetes, melhora o estado nutricional, contribui para a diminuição do processo inflamatório da doença e para a melhora da sensibilidade à insulina, obtendo melhor controle glicêmico e, assim, poderá melhorar a qualidade de vida desses indivíduos, minimizando as preocupações relacionadas à doença.

 

ABSTRACT

Food consumption, nutritional status and DQOL-Brazil assessment of patients with diabetes

The aim of this study was to assess nutritional status, food consumption and the quality of life of patients with type 2 diabetes mellitus. Observational transversal study. The nutritional status was determined by Body Mass Index. Food consumption was estimated by 24-hour food recall, emphasizing the intake of calories (kcal), proteins, carbohydrates, lipids and fibers. Glycated hemoglobin and the quality of life were assessed through the DQOL-Brasil questionnaire. The study included 27 subjects with a mean age of 43.66 ± 15.74 years and 27.06 ± BMI average of 4.79 kg/m2. Regarding food consumption, average values were: 26.29 ± 4.73 kcal/kg/day, 70.53 ± 14.55% CHO, 0.90 ± 0.53 g / PTN / kg / day, 27.13 ± 8.23% of LIP and 16.3 ± 5.83 g of fibers. The average glycated hemoglobin was 7.48 ± 0.64%. The average total score DQOL-Brazil was 2.39 ± 0.34. Individuals are overweight and show food inadequacy in relation to carbohydrate intake. The quality of life of these individuals can be classified as partially satisfactory. Nutritional monitoring is of extreme need, since such monitoring is a cornerstone for the treatment of diabetes, which improves nutritional status, contributes to the reduction of the inflammatory process of the disease and improve insulin sensitivity, achieving better glycemic control and thus, it can improve the quality of life of these individuals, minimizing the concerns related to the disease.


Palavras-chave


Qualidade de vida; Avaliação nutricional; Carboidratos. Diabetes mellitus tipo 2; Hemoglobina glicosilada

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBONE - Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui