Consumo de bebidas alcoólicas na adiposidade corporal em estudantes universitários

  • Tainara Barros Valério Faculdade Santa Terezinha - CEST
  • Thalita da Albuquerque Véras Câmara Faculdade Santa Terezinha - CEST
  • Alexsandro Ferreira dos Santos Docente da Faculdade Santa Terezinha-CEST
  • Maria Tereza Medeiros Aureliano Lima Faculdade Santa Terezinha - CEST
  • Paula Tâmara Vieira Teixeira Pereira
Palavras-chave: Álcool, Composição corporal, Estado nutricional

Resumo

A localização central da gordura corporal é influenciada por diversas variáveis, entre elas, a ingestão de bebidas alcoólicas. Investigar o consumo de bebidas alcoólicas na adiposidade corporal em universitárias. Desenho transversal analítico em universitárias de uma faculdade particular. Aplicou-se Teste de Identificação de Problemas pelo Uso do Ãlcool (AUDIT) e antropometria (peso, estatura, IMC e CC) e bioimpedância elétrica. Das 84 universitárias, 52,4 % eram etilistas (AUDIT ≥ 8), 69,1% eram eutróficas pelo IMC, 77,4 % não apresentaram risco cardiovascular pela CC. O aumento do AUDIT foi inverso a massa extracelular em porcentagem, massa magra em porcentagem e água corporal. O AUDIT foi correlacionado positivamente a massa gorda em quilos e em porcentagem. Não houve diferenças estatísticas entre peso, IMC, CC e composição corporal entre etilista (AUDIT ≥ 8) e não etilistas (AUDIT < 8). Ocorreu aumento diretamente proporcional ao AUDIT com relação ao IMC e massa extracelular. A adiposidade foi ligeiramente maior entre etilistas. Mais estudos são necessários para relacionar adiposidade e o consumo do álcool marcado pelo AUDIT.

 

ABSTRACT 

Alcoholic beverages in body adiposity in college students

The central location of body fat is influenced by several variables, including the intake of alcoholic beverages. We intend to investigate the consumption of alcoholic beverages in adiposity in college students. A cross-sectional design in student to a private college. Applied Troubleshooting Testing the Use of Alcohol (AUDIT) and anthropometry and bioelectrical impedance analysis. Of the 84 college students, 52.4% of alcoholics (AUDIT ≥ 8), 69.1% were eutrophic by BMI, 77.4% did not had cardiovascular risk by CC. The increase in the AUDIT was reverse the extracellular mass percentage, lean mass percentage and body water. The AUDIT was positively correlated with fat mass in kilograms and as a percentage. There were no statistical differences between weight, BMI, WC and body composition between alcohol drinking (AUDIT ≥ 8) and non-alcoholic (AUDIT <8). Was directly proportional to the increase AUDIT in relation to BMI and extracellular mass. Body fat was slightly higher among alcoholics. More studies are needed to relate fat and alcohol consumption marked by the AUDIT.

Biografia do Autor

Thalita da Albuquerque Véras Câmara, Faculdade Santa Terezinha - CEST
Docente da Faculdade Santa Terezinha - CEST e Estácio/São Luís
Maria Tereza Medeiros Aureliano Lima, Faculdade Santa Terezinha - CEST
Coordenadora do Curso de Nutrição da Faculdade Santa Terezinha - CEST
Publicado
2016-07-25
Como Citar
ValérioT. B., CâmaraT. da A. V., dos Santos, A. F., Lima, M. T. M. A., & Pereira, P. T. V. T. (2016). Consumo de bebidas alcoólicas na adiposidade corporal em estudantes universitários. RBONE - Revista Brasileira De Obesidade, Nutrição E Emagrecimento, 10(60), 263-270. Recuperado de http://www.rbone.com.br/index.php/rbone/article/view/465
Seção
Artigos Ciení­ficos - Original

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##